Portaria 144 (Certificação de Lâmpadas LED – Inmetro)

As lâmpadas LED têm adquirido cada vez mais espaço no mercado por conta de suas vantagens. Elas geram luz com baixo consumo de energia elétrica e tendem a durar muito mais do que as lâmpadas incandescentes ou fluorescentes. Como não possuem mercúrio, ao contrário de outros modelos, são menos nocivas ao meio ambiente e à saúde das pessoas.

Ainda assim, sua certificação é compulsória nos termos da Portaria 144, de 2015. Os testes aos quais as lâmpadas devem ser submetidas avaliam o desempenho energético, a segurança elétrica e a compatibilidade eletromagnética. Além disso, a certificação contribui na padronização de equipamentos e garante que não haja superaquecimento. Além de testes de segurança, o INMETRO avaliará a eficiência energética das lâmpadas LED, no âmbito do Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), e a sua durabilidade.

Fabricantes nacionais e importadores devem certificar esses produtos antes de sua comercialização para evitar as penalidades legais. O processo pode ser bastante burocrático, mas a Yes! tem expertise para cuidar de todas as etapas de forma ágil, reduzindo seus riscos e custos.

 

Quais produtos devem ser certificados?

Nos termos da referida portaria, devem ser certificadas as “lâmpadas LED com dispositivo integrado à base ou corpo constituindo uma peça única, não destacável, sendo destinadas para operação em rede de distribuição de corrente alternada de 60Hz, para tensões nominais de 127V e/ou 220V, ou faixas de tensão que englobem as mesmas ou em corrente contínua (DC ou CC) ”.

 

Quais produtos estão excluídos da portaria 144?

•  lâmpadas com LED coloridos, com lentes coloridas, que emitem luz colorida;
•  RGB, que possuem invólucro coloridos e decorativas, e emitem luz colorida;
•  lâmpadas de LED com dispositivo de controle incorporado que produzam intencionalmente luz colorida;
•  OLED (Organic Light Emitting Diode).

 

Quais modelos para a certificação de lâmpadas LED existem?

Há diversos mecanismos de testes de produtos e serviços, conforme suas características e o nível de confiança que se deseja obter. Para esta categoria de produtos, os fabricantes nacionais e importadores podem optar pelos seguintes sistemas:

•  Modelo 5 – Ensaio de tipo, avaliação e aprovação do Sistema de Gestão da Qualidade do processo produtivo, com acompanhamento através de auditorias no fabricante e ensaio em amostras retiradas no comércio;

•  Modelo 7 – Certificação de lote (quantidade estipulada): recomendado para quem deseja fazer uma experiência de mercado. Esse tipo de certificação está restrito ao montante testado (fabricado ou adquirido).

O certificado de conformidade tem validade de três anos, desde que sejam realizadas manutenções anuais.

Modelos para Etiqueta Nacional de Eficiência Energética (ENCE)

Portaria 144 - Certificação de Lâmpadas LED – InmetroPortaria 144 - Certificação de Lâmpadas LED – Inmetro
 

Como a Yes! pode te auxiliar no processo de certificação?

Oferecemos uma vasta gama de serviços de consultoria para ajudar fabricantes nacionais e importadores a obterem a certificação junto ao Inmetro e órgãos credenciados com tranquilidade e comodidade, estabelecendo aspectos a serem implementados ou corrigidos, além de fazer a gestão dos registros obrigatórios:

•  Montagem do processo;
•  Estratégia de definição de famílias e custos;
•  Acompanhamento do processo junto ao laboratório e órgão certificador competente;
•  Registro junto ao Inmetro;
•  Orientação do fabricante quanto às diretrizes brasileiras;
•  Montagem e adequação da embalagem (Inmetro e CDC).

A Yes! tem conhecimento, estratégia, planejamento e experiência para otimizar seus recursos e lidar com toda a burocracia do processo, deixando você tranquilo para focar em sua principal atividade.

Entre em contato conosco

Para obter mais informações sobre a certificação de artigos escolares, nossos especialistas estão à disposição para assessorá-lo. Converse conosco aqui.