Rua Doutor Alfredo de Castro, 200 - sala 1104 | Barra Funda, São Paulo / SP      contato@yescert.com.br

abrir uma importadora

Como abrir uma importadora: 4 passos para começar

Entre quem deseja empreender, e especificamente trabalhar com distribuição e vendas de produtos estrangeiros, uma dúvida pode ficar no ar: como abrir uma importadora? Já é sabido que os consumidores brasileiros apreciam desde o vestuário e brinquedos até os eletrônicos provenientes do exterior.

A questão é que, se a ideia é abrir uma importadora profissional, com escala e com uma boa pesquisa e plano de negócio, é extremamente importante cuidar de pontos sobre a operação, segurança e garantia dos seus processos, entregando somente aquilo que é garantido para o seu consumidor.

A seguir, veja 4 dicas de como abrir uma importadora.

Conheça seu mercado

Esta etapa é essencial para toda e qualquer empresa. Conhecer o mercado significa pesquisar a fundo qual é o seu público-alvo e quais são os produtos e experiências que você irá oferecer. Idealmente, é necessário optar pelos produtos que você já tem afinidade, assim você vai conseguir fazer uma boa divulgação e entrega para os clientes.

Além do público, do produto e da promoção, é importante considerar os preços que sua importadora terá que lidar, desde os de compra – com o agravante de estarem em moeda estrangeira – até o de venda. Nesse momento de pesquisa sobre o seu mercado, experimente organizar o seu modelo de negócio dentro do formato Canvas. Este e os próximos tópicos são essenciais para que a sua importadora tenha um bom lançamento.

Estruture a empresa

Com a parte teórica e o modelo de negócios em mãos, você pode começar a montar uma importadora de forma mais prática. Isso vai incluir a negociação com fabricantes ou fornecedores estrangeiros, a definição de local da sua empresa e do ponto de venda (se não for um e-commerce), a encomenda dos primeiros produtos, criação de site e outros canais para sua promoção, etc.

Essa etapa exige um investimento financeiro também na regularização de documentos, como o CNPJ e outras licenças para empresas que podem variar por estado e também por cidade.

Especificações da Receita Federal

A Receita Federal é o órgão brasileiro que vai tratar dos seus produtos importados, fazendo desde a avaliação e liberação das encomendas em portos e aeroportos até a cobrança dos devidos impostos sobre os produtos. As empresas importadoras devem aderir ao Siscomex, que concentra os Sistemas de Comércio Exterior.

A habilitação dentro do sistema é um procedimento anterior ao despacho aduaneiro. No portal do Siscomex também é possível acompanhar notícias relativas a legislação e trâmites de importação e exportação.

Atenção a legislação sobre os produtos!

Além de atender a legislação no quesito de importações e seus correspondentes impostos, é necessário respeitar também a regularização de produtos dentro de seus nichos. Os eletrônicos, a exemplo dos celulares, cabos, antenas, drones e roteadores, devem ser homologados pela Anatel. Cosméticos e vitaminas, idealmente, devem ser testados e certificados pela Anvisa. Já a certificação do Inmetro deve ser aplicada a brinquedos, lâmpadas, eletrodomésticos, etc.

Pesquise sobre os seus produtos e as certificações que eles devem atender. Isso é o que vai garantir a segurança das suas vendas junto aos clientes.

Agora que você sabe como abrir uma importadora, aproveite para conhecer as etapas da Certificação e Homologação Anatel!

Entre em
CONTATO

Tem alguma dúvida?
Entre em Contato

+55 11 3554.8912
Gostaria de agendar e receber uma chamada em outro horário?

Você já é a 5 pessoa a solicitar uma ligação.

Deixe sua mensagem! Entraremos em contato o mais rápido possível.

Você já é a 3 pessoa a deixar uma mensagem.

NÓS TE LIGAMOS! Informe seu telefone que entraremos em contato o mais rápido possível.

Você já é a 5 pessoa a solicitar uma ligação.

Gostaria de receber uma ligação ?

Manda um Whatsapp!

WHATSAPP