Rua Doutor Alfredo de Castro, 200 - sala 1104 | Barra Funda, São Paulo / SP      contato@yescert.com.br

Certificação de fogões

Campeão de reclamações, o fogão terá novas normas para ser vendido no mercado

Com tantos produtos, eletrodomésticos e diferentes objetos que circulam no comércio, é fundamental garantir aos clientes opções seguras, certificadas e que não ofereçam riscos de acidentes.

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) encontrou produtos que podem ser um grande perigo, e em alguns casos, causar até acidentes fatais aos seus usuários. Na extensa lista de perigos domésticos relatados pelo Sistema Inmetro de Monitoramento de Acidentes de Consumo (Sinmac), o fogão é o item mais presente nas reclamações. Isso preocupa muito, já que é também um dos eletrodomésticos mais utilizados dentro de casa.

Fogão: em primeiro lugar nas reclamações

Quem nunca ouviu uma história de alguém que sofreu algum acidente ou teve um problema com o fogão? Queimaduras, acidentes com as crianças ou até mesmo defeitos no funcionamento, como ineficiência do forno, entre outras situações. O Sinmac constatou um alto número de reclamações de consumidores que vão desde problemas leves até acidentes graves com os seus fogões e fornos.

A PROTESTE Associação de Consumidores, a maior entidade civil sem fins lucrativos em defesa do consumidor, também recebeu inúmeras reclamações sobre a segurança destes itens comercializados no mercado.

No final de 2014, a associação realizou um teste de tombamento com oito marcas de fogões de quatro bocas produzidas aqui no Brasil. Nele, duas marcas apresentaram risco: a Muller Sorella e Esmaltec Ibiza não seguiram as normas de certificação do Inmetro. Para se ter uma ideia, o peso de um pouco mais de 22 kg não é suportado na porta do forno, fazendo com que os fogões tombem. Dessa forma, se uma criança se apoiasse na porta, por exemplo, o fogão poderia cair em cima dela.

A organização solicita que o Inmetro obrigue os fabricantes a informarem ao público sobre os perigos e que os registros dos produtos irregulares sejam cancelados. As marcas ainda apresentaram o vazamento de monóxido de carbono, em níveis que ultrapassam os seguros para o consumidor.

Outro tema que é bastante discutido é a segurança térmica dos fogões, e grandes marcas foram consideradas falhas nesse quesito. Isso quer dizer que as temperaturas dos produtos testados são altas em partes que o usuário facilmente poderia se encostar. Houve um caso de aquecimento excessivo aconteceu na tampa de vidro do forno e na lateral e outro no vidro da porta.

Mudanças nas normas dos fogões e fornos a gás

Após anos de relatos sobre queimaduras acidentais provocadas pelo toque no fogão, tombamentos e até mesmo sobre a ineficiência dos produtos, o Inmetro já revisou a normatização para o comércio de fogões e fornos a gás no país.

Os produtos, além da avaliação sobre a eficiência energética, passarão a ter uma avaliação de isolamento térmico na porta e nas laterais e novos critérios de resistência para as portas do forno e vidros da tampa serão adotados.

Os fabricantes e importadores tiveram o prazo de até 3 de agosto de 2014 para se adequarem às novas normas, enquanto o varejo terá que se adaptar até 3 de agosto de 2016. Será possível verificar também uma etiqueta que alertará qual é a temperatura máxima dos fogões.

Viu só como estar dentro das normas de segurança é essencial? Se você busca  entregar um produto dentro de todas as normas obrigatórias de qualidade e segurança de forma eficiente e simples, visite o nosso site e conheça o nosso serviço!

Entre em
CONTATO

Tem alguma dúvida?
Entre em Contato

+55 11 3554.8912
Gostaria de agendar e receber uma chamada em outro horário?

Você já é a 5 pessoa a solicitar uma ligação.

Deixe sua mensagem! Entraremos em contato o mais rápido possível.

Você já é a 3 pessoa a deixar uma mensagem.

NÓS TE LIGAMOS! Informe seu telefone que entraremos em contato o mais rápido possível.

Você já é a 5 pessoa a solicitar uma ligação.

Gostaria de receber uma ligação ?

Manda um Whatsapp!

WHATSAPP